06 de junho | 2012

Justiça dá liberdade provisória a jovem que matou namorado

Compartilhe:

A justiça de Olímpia concedeu no final da tarde de quarta-feira, dia 6, liberdade provisória para a estudante Bruna Carolina Postiglione Leal, de 18 anos de idade, possibilitando que ela responda ao processo em liberdade. Ela é acusada de matar com um golpe de faca no tórax o seu namorado, o desocupado Lucas de Souza Cardoso, de 17 anos.

De acordo com o que informa o advogado Carlos Alberto Zaniratto, a juíza substituta da 3.ª vara Gabriele Gasparelli Cavalcanti, atendeu ao pedido de relaxamento da prisão em flagrante e de liberdade provisória.

Na petição, segundo Zaniratto, foi alegado que os fatos demonstram que a ação ocorreu em legítima defesa, que a ré não possui nenhum antecedente criminal, que estuda e se apresentou espontaneamente à polícia logo após os fatos.

Bruna Carolina, ao que se informa, foi indiciada pelo delegado Renato Pupo de Paula por crime de homicídio simples, ou seja, sem agravantes, no artigo 121 do Código Penal. A pena prevista é de 6 a 20 anos de reclusão.

Consta que em seu depoimento ao delegado, Bruna relatou que conviveu com Lucas Cardoso durante cinco meses e que se tratava de um relacionamento violento e destemperado em virtude do envolvimento dele com as drogas.

Compartilhe:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do iFolha; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Você deve se logar no site para enviar um comentário. Clique aqui e faça o login!

Ainda não tem nenhum comentário para esse post. Seja o primeiro a comentar!

Mais lidas